sexta-feira, 1 de outubro de 2010

O guia amoroso de Laura Catena

Laura Catena é filha de Nicolás Catena, vinicultor que revolucionou o vinho argentino a partir dos anos 80, colocando-o nas mesas do mundo inteiro, graças a investimentos na busca de qualidade – determinação inspirada no ítalo-californiano Robert Mondavi (1913-2008) e seu império no Vale do Napa. Laura Catena é hoje uma espécie de embaixadora da vinícola do pai, Bodegas Catena Zapata, e grande representante da nova geração de produtores da Argentina. Apaixonada por sua Mendoza – dessa província com cerca de 1.500 vinícolas saem cerca de 70% da produção de vinhos do país – e pelos Malbec ali aperfeiçoados por gerações de viticultores desde o século XVIII, a mãe e médica Laura Catena divide o seu tempo entre o marido, seus três filhos, a sala de emergência de um hospital em San Francisco e seus próprios vinhos, sob a marca Luca. Ainda teve tempo de escrever um dos mais cativantes guias de vinho e da cultura gastronômica de sua terra: Vino Argentino (Chronicle Books/2010), lançado este ano nos EUA. “O vinho definiu minha vida”, escreve Laura, da quarta geração de uma família de vinicultores de origem italiana, baseada em Luján de Cuyo. Um dos ritos de passagem da criançada era a permissão descontraída para um gole de vinho tinto misturada à soda, que saia barulhenta de sifões implantados em garrafões de vidro colorido. O bisavô de Laura fundou a Catena em 1902. Aproveitou-se da escalada comercial proporcionada pela inauguração, em 1882, da ferrovia Mendoza-Buenos Aires, que fez da região o epicentro da indústria de vinhos da Argentina. Cem anos depois, foi a vez do pai Nicolás estudar o terreno de Mendoza como nunca, até chegar à conclusão de que o melhor terroir estava nos terrenos mais altos e mais próximos da Cordilheira dos Andes. Laura conta com detalhes essa história sem esquecer de outros produtores importantes da região. Ela também faz uma ode ao Malbec e ao asado , com dicas de restaurantes e mesmo boas receitas. Por que não tentar uma saltenha?


http://www.catenawines.com/

DC de 1/10/2010

Um comentário:

DR FABIO SALES VIEIRA disse...

UM LIVRO UM POUCO TENDENCIOSO, NAO ERA O QUE ESPERAVA. MUITO NEPOTISTA, NAO ABRE PARA OUTRAS FAMILIAS. RESUMIDAMENTE NA INTERNET ENCONTREI INFORMAÇOES MAIS COMPLETAS E VALIOSAS QUE A DA SRA. LAURA CATENA!